top of page

A CARTA

Querida Mãe,

Não conheceste o meu projeto, mas hoje estou muito orgulhosa e sei que tu também, porque quando perguntavas se as cestas se iriam voltar a usar como em tempos idos?! Posso dizer com certeza que a tua ''Esperança'' vende cestas para todo o mundo com o teu cunho e o do pai. É também por ti que hoje luto pela dignidade desta Arte.


Sempre com amor da tua filha,
Esperança Vitória,

Artesã & CEO Victoria Handmade

artesanato português
About Us